Notícias da Web

ENTREVISTA COM MÁRIO RICARDO

 

“Juntos estamos construindo a Igarassu dos nossos sonhos”

 

O prefeito de Igarassu, Mário Ricardo (PTB) concedeu entrevista ao Jornal do Grande Recife, fazendo um balanço do primeiro ano do segundo mandato. Segundo ele, apesar da crise, o ano de 2017 foi extremamente positivo, pois conseguiu pagar os salários em dia e ainda realizar investimentos na infraestrutura do município.

 

Temos recebido algumas queixas da população com relação à segurança, água e saúde. O que tem sido feito para diminuir esses problemas?

 

Com relação à segurança pública, todos sabem que é uma responsabilidade do Governo do Estado. Mas, na última reunião dos prefeitos do Litoral Norte, conseguimos convencer o governador a criar mais um batalhão na região. Igarassu, Itapissuma, Itamaracá e Araçoiaba terão um batalhão exclusivo para esses municípios, o 26º BPM. Enquanto Paulista e Abreu e Lima ficarão com o 17º BPM. Enquanto não se constrói em Itapissuma, o batalhão ficará em Cruz de Rebouças, na Cipoma. A parte do município é com a vigilância patrimonial, palestras nas escolas, enfim, ajudando no combate à violência. No tocante a água, propusemos à Compesa um novo modelo de programação da distribuição, analisando cada área do município com as suas particularidades. Esperamos que isso diminua o sofrimento da população. Igarassu é fornecedor de água, mas paga um preço muito alto com a falta do líquido para a população. Quanto à saúde, estamos enfrentando um sério problema de repasse da ordem de R$ 2 milhões por parte do Ministério da Saúde. A Secretaria de Saúde do Município está modernizando o projeto de atendimento tirando as tradicionais fichas e tornando o sistema totalmente informatizado, através dos meios de comunicação digital. Esperamos que isso acabe com as filas no hospital.

 

E com relação às obras que ainda não foram concluídas, como o Centro de Fisioterapia, a Praça da Bíblia, a arquibancada do estádio, a feira?

 

A empresa que ganhou a licitação da obra da Praça da Bíblia não concluiu o trabalho, o proprietário faleceu e nós estamos distratando o contrato de licitação. Com relação a arquibancada do campo municipal, está acontecendo a mesma coisa. Haverá uma nova licitação. Na feira, concluímos a parte das cobertas, estamos abrindo a rua por trás e fazendo o ordenamento do espaço. Dialogando com os comerciantes vamos conseguir. Quanto ao Centro de Fisioterapia, chegou-se à conclusão de que o melhor local para o seu funcionamento será no próprio hospital, onde ele está funcionando atualmente. Entendimento entre as secretarias de Saúde e a de Assistência Social decidiu que no prédio do Centro de Fisioterapia vai funcionar o Centro de Assistência Social, oferecendo vários serviços à população.

 

Qual a sua avaliação do ano de 2017?

 

Avalio como um ano extremamente positivo. Mantivemos os programas, pagamos o funcionalismo em dia, honramos os compromissos com os fornecedores, inauguramos obras e implementamos novos programas. Apesar da crise, atravessamos o ano entregando obras, como a rotatória no início da PE-15, praças, escola, entre outras.

 

Quais os projetos para 2018?

 

Através de emendas parlamentares do deputado Jorge Côrte Real e do senador Armando Monteiro, conseguimos assinar sete contratos com a Caixa no valor de R$ 4 milhões para calçamento de 80 ruas a serem licitadas a partir de janeiro. Vamos concluir a orla de Mangue Seco, asfaltamento de Nova Cruz II até Nova Cruz I. Vamos concluir o estádio municipal, a iluminação do Centro de Igarassu e da UPA até a divisa com Abreu e Lima. Temos muitas outras realizações para o próximo ano.

Digo ao povo de Igarassu que tenha fé e esperança. As dificuldades que são colocadas no nosso caminho são sempre para nos elevar e mostrar a nossa capacidade. Igarassu é uma cidade com um potencial muito grande. Juntos estamos construindo a Igarassu dos nossos sonhos.


COLUNAS


OPINIÃO